Caso Varginha – Os militares da ESA nos impediram de passar” , Rubão Ladeira

Rubão Ladeira na época, com 18 anos, costumava jogar futsal com os amigos todos os sábados. O horário reservado era das 14 às 15 horas exatamente, no Ginásio do Marcão, uma quadra que existe até os dias atuais. O dia 20 de janeiro de 1996, era mais um dia de jogo com os amigos. Mas aquele sábado estava diferente, segundo ele. “Naquele dia já havia o comentário circulando por aquela região da ação do Exército pela manhã e diziam que tinha tido disparos de arma de fogo”, contou. Outro fato naquele dia, contudo, continuava igual: “o Mudinho estava na porta do Ginásio. O mudinho ficava sempre lá nos sábados e em outros dias da semana porque as pessoas davam cigarro”, revela a testemunha.

Fonte: Marco Leal

Esta gostando do conteúdo? Compartilhe!